More titles to consider

Shopping Cart

itemsitem

Synopsis

I Ignoto Deo I INVOCAÇÃO Musa, eu quero ir ó gigantesco enleio Dos litt'ratos, que chamam de mão cheia; Eu quero o meu candil levar em punho Á festa, que de si é uma epopeia. Por isso, ó Musa, ó nume encantador! Ó sombra indefinivel de mulher! Não me deixes a mente aqui dormir, Leva-me á festa, quero lá viver. Vem, tu, que a tantos gloria has dado e nome, De papoulas a minha fronte ornar. Vem tirar-me das varzeas do Mondego, E dá-me inspiração, quero cantar

People who read this also enjoyed

Get a 1 year subscription
for / issue

You can read this item using any of the following Kobo apps and devices:

  • DESKTOP
  • eREADERS
  • TABLETS
  • IOS
  • ANDROID
  • BLACKBERRY
  • WINDOWS